• Dores de cabeça.
• Insônia.
• Palpitações são um alerta para procurar um médico.
• Cansar-se com facilidade depois de pequenos esforços pode ser um sinal de hipertensão.
• Indisposição para realizar atividades também é um dos sintomas.
• A tontura também é um sintoma característico de crises de pressão alta.

Calculando a frequência cardíaca

Calcular a Frequência Cardíaca Máxima (FCM) é fácil.

Para encontrar a sua subtraia sua idade de 220.
Por exemplo: uma pessoa de 35 anos deve fazer o cálculo 220 – 35 = 185
Assim, a FCM de uma pessoa de 35 anos é 185 bpm (batimentos por minuto)
Para calcular as frequências determinadas nos diversos níveis de exercícios indicados nas planilhas, basta usar uma regra de três simples, sendo 185 igual a 100% da FCM.
Usando ainda o exemplo da pessoa de 35 anos:
Caminhada Rápida: média de 55% a 60% da FCM. Ou seja, 102 a 111 bpm
Trote: média de 65% a 70% da FCM. Ou seja, 120 a 129 bpm
Corrida leve: média de 75% a 80% da FCM. Ou seja, 139 a 148 bpm
Corrida moderada: média de 85% a 90% da FCM. Ou seja, 157 a 166 bpm
Corrida intensa: acima de 95% da FCM. Ou seja, 175 bpm

(Fonte IG Saúde)


• Exercícios aeróbicos, como caminhadas, corridas e pedalar são excelentes para melhorar o condicionamento físico e emagrecer
• Alguns métodos como Pilates e Ioga, trabalham o corpo de forma mais global, privilegiando alongamento, equilíbrio, definição e força muscular
• Imbatível, a musculação é a rainha dos exercícios destinados à ganho de massa muscular através da hipertrofia
• As atividades coletivas, como dança, ginástica e esportes em grupo, são ótimas formas de conhecer pessoas e compartilhar experiências, entre outras vantagens.

Lembrando que é fundamental consultar um médico para avaliar sua condição física. Além de indicar a atividade mais adequada para você.

(Fonte: Revista Pilates)


• Mantenha o despertador longe da cama, assim você será obrigado a levantar para desligá-lo, impedindo os "só mais 5 minutinhos"
• Beba água logo pela manhã; ingerir esse líquido vital ajuda a ativar o metabolismo e mandar o sono embora
• Mantenha-se longe do celular ou TV. A luz atrapalha o sono e o despertar no dia seguinte fica mais complicado
• Ler um livro na hora de dormir ajuda a adormecer mais rápido, consequentemente a ter um sono mais tranquilo e não sofrer na hora de acordar

A síndrome do túnel do carpo se caracteriza pelo inchaço de um nervo no pulso, que se estende até a mão.
O problema pode causar dor e fraqueza e é tipicamente provocado por movimentos repetitivos durante um longo período de tempo.

A Biblioteca Nacional de Medicina dos Estados Unidos alerta que as seguintes atividades podem levar à síndrome do túnel do carpo:

-Digitação em computador, especialmente se a estação de trabalho não estiver configurada corretamente
-Trabalhos de costura e pintura
-Trabalho em linha de montagem
-Utilização de ferramentas vibratórias ou ferramentas manuais
-Tocar determinados instrumentos musicais

(Fonte: The New York Times)

Peixes ricos em Ômega 3 (Salmão, atum, bacalhau)
Soja e derivados: ricos em vitamina E
Tomate: contém licopeno que reduz o colesterol
Chia: rica em fibras e em Ômega 3
Laranja, limão e outras frutas cítricas
Nozes em geral
Morango e frutas vermelhas
Quinua: além de alto teor de fibras, contém saponina
Óleos vegetais de canola e girassol
Linhaça: fonte de Ômega 3 e ácido linoleico
Quiabo: grande quantidade de fibras
Alho: também rico em saponina
Berinjela: também indicado contra o Triglicérides
Uva e suco de uva: o princípio chama-se resveratrol
Cebola: pela ação anti-inflamatória
Maça: contém flavonóides e antioxidantes
Feijão: outro campeão em fibras
Cevada e outros grãos: rico em selênio e outras substâncias
Abacate: rico em ácido oleico
Aveia: outro destaque em fibras

Há explicações científicas para aqueles "hábitos estranhos" das pessoas que acordam cedinho de manhã ou só vão para a cama ao amanhecer. Quando o assunto é exercício físico, esses hábitos têm papel ainda mais importante, já que podem afetar a performance. Uma variável crucial é o ritmo circadiano, conhecido popularmente como relógio biológico - a forma como nosso corpo regula hormônios, temperatura corporal, ritmo cardíaco e outras funções essenciais. Tudo influencia o quão alerta - ou sonolenta - uma pessoa se sentirá em determinados momentos do dia.

Fora das refeições

Há estudos indicando vantagens e desvantagens da prática de exercício nos diferentes períodos do dia. Mas é importante ressaltar que o exercício seja praticado em horários distantes dos horários das refeições. Nesse caso. o melhor é praticar esportes nas primeiras horas da manhã. O lado negativo disso é que, pela manhã, a temperatura do corpo tende a ser mais baixa, o que aumenta o risco de lesões e pode reduzir o desempenho do praticante. Na mão oposta, quem prefere praticar esportes mais tarde se beneficia de temperatura corporal e níveis hormonais no auge, o que melhora o desempenho. Um estudo feito nos Estados Unidos indica que é mais fácil atingir resultados melhores em resistência e construção de massa muscular exercitando-se no final do dia.

Lesões

O risco de lesões também é menor, já que o corpo responde mais rapidamente por estar desperto por muitas horas. Além disso, para muitas pessoas, o exercício noturno é uma forma de relaxar depois de um dia estressante. No entanto, deixar a prática de esportes para muito tarde também pode ser perigoso, adverte o especialista espanhol. Exercícios, sobretudo os de alta intensidade, não são recomendados depois das 21h ou 22h porque eles podem afetar os padrões de sono. (Com informações do UOL/BBC).

O número de vegetarianos no mundo aumenta gradativamente, com cada vez mais adeptos do veganismo (aqueles que não consomem nenhum produto de origem animal) Mas os nutricionistas alertam que os seres humanos devem ingerir de forma equilibrada carboidratos, proteínas, gorduras, vitaminas, minerais e água. A ausência de um desses grupos de nutrientes pode gerar um efeito negativo sobre a saúde.
As carnes vermelhas oferecem proteínas de alta qualidade, especialmente se o objetivo é fazer exercícios físicos e melhorar o rendimento atlético. Mas o que acontece com quem não come carne? Vegetarianos ou veganos conseguem obter o mesmo desempenho físico dos carnívoros?
A presença de atletas de elite em diferentes modalidades que se dizem vegetarianos ou veganos sugere que a resposta é 'sim'.
Seja um maratonista, um ciclista ou um triatleta, cada atividade física exige diferentes tipos de dieta, explica a nutricionista esportiva Jo Scott-Dalgleish. "Tudo se resume a um bom equilíbrio entre carboidratos, proteínas e gorduras. Todos os três são necessários para compensar o uso de energia. Os carboidratos fornecem energia, enquanto as proteínas e as gorduras ajudam a recuperação dos músculos após o esforço", diz.
Se nenhum tipo de carne é consumido, as proteínas podem ser obtidas a partir de produtos lácteos e ovos, mas se esses alimentos também não são consumidos, a dica é procurar alternativas em grãos, como feijão, grão de bico ou lentilha, que podem ser combinados com macarrão ou pão feito de farinha integral. Nozes e outras sementes também são boas fontes de proteína.

(Com informações do UOL/BBC)

A maioria das pessoas sabe que ter uma boa noite de sono é importante, mas poucos passam oito ou mais horas debaixo dos lençóis.
Mesmo reconhecendo que o sono é especialmente afetado pelo estilo de vida e saúde de cada pessoa, cientistas dos Estados Unidos publicaram recomendações sobre as horas de repouso e descanso de acordo com a faixa etária. necessárias de acordo com cada faixa etária.

Confira as recomendações:

Recém-nascidos (0-3 meses): o ideal é dormir entre 14 a 17 horas por dia, embora também seja aceitável um período entre 11 a 13 horas. Não é aconselhável dormir mais de 18 horas.

Bebês (4-11 meses): Recomenda-se que o sono dure entre 12 e 15 horas. Também é aceitável um período entre 11 e 13 horas, mas não mais do que 16 ou 18 horas.

Crianças pequenas (1-2): não é aconselhável dormir menos de 9 horas ou mais de 15 ou 16 horas. É recomendável que o descanso dure entre 11 e 14 horas.

Crianças em idade pré-escolar (3-5): 10-13 horas é o mais apropriado. Especialistas não recomendam dormir menos de 7 horas ou mais de 12 horas.

Crianças em idade escolar (6-13): o aconselhável é dormir entre 9 e 11 horas.

Adolescentes (14-17): Devem dormir em torno de 10 horas por dia.

Adultos jovens (18-25): 7-9 horas por dia. Não devem dormir menos de 6 horas ou mais do que 10 ou 11 horas.

Adultos (26-64): O ideal é dormir entre 7 e 9 horas, embora muitos não consigam.

Idosos (65 anos ou mais): o mais saudável é dormir 7 a 8 horas por dia.

Correr pode ser mais eficiente para reverter o envelhecimento do que as caminhadas. Apesar de as caminhadas serem indicadas para as pessoas idosas, cientistas começam a avaliar que a capacidade de andar costuma diminuir com a idade. Os idosos cujo principal exercício é caminhar costumam começar a andar de forma mais lenta e com maior dificuldade com o passar dos anos, se cansando mais facilmente.
Nos Estados Unidos, cientistas se debruçaram sobre o assunto, fizeram dezenas de testes com idosos voluntários e concluíram que os corredores caminhavam de modo melhor e mais eficiente do que os caminhantes. Eles precisavam de menos energia para caminhar no mesmo ritmo que os voluntários que apenas caminhavam regularmente.
Ou seja, o que seria uma “lenta decadência” das pessoas idosas, pode – e deve – ser retardada ou revertida por outros tipos de exercício e, em particular, por corridas.
Outra boa notícia para pessoas que atualmente não correm é que é possível começar com qualquer idade e ainda assim se beneficiar, disse Ortega. "Poucos de nossos voluntários corriam antes dos 60 anos", afirmou um dos cientistas envolvidos nas pesquisas.

(Com informações do UOL/BBC).

O sono tem função restauradora, ou seja, quem dorme pouco está sujeito a uma sonolência diurna excessiva, o que traz prejuízos no trabalho e até na vida pessoal. E atenção: O principal sintoma da falta de sono é o mau humor...

Confira algumas dicas preciosas:

  • Tenha um ambiente adequado: silencioso e escuro: a luminosidade inibe o sono
  • Procure ter uma rotina de horários para dormir. Pessoas com ritmo de vida aleatório têm dificuldade de pegar no sono, já que o organismo aquela determinada hora é a hora do descanso
  • Praticar exercícios faz muito bem, inclusive para conseguir dormir melhor, mas evite fazê-los à noite. Para os especialistas, o corpo precisa de quatro a seis horas para desacelerar
  • A luz do computador ou do celular também inibe o sono, pois deixa a pessoa alerta. Quanto à televisão, há controvérsias, pois algumas pessoas dizem precisar dela para pegar no sono
  • Atividades relaxantes como meditação e leitura também podem ajudar

Uma certa quantidade de suor é bom para o corpo. Embora traga uma sensação de desconforto, tem muitos benefícios. No entanto, a transpiração excessiva não é saudável. Se você detectar qualquer anormalidade, deve consultar um médico.

BENEFÍCIOS

  • Mantém a temperatura normal - Suar é a maneira do corpo de ajudar a regular a temperatura corporal
  • Elimina toxinas - Muitas toxinas e impurezas do corpo também são excretados através do suor
  • Perder Peso - Uma das melhores formas de perder peso é através do exercício. Quando você exercita o suor que sai de seus poros inclui gordura solúvel em água
  • Pele limpa - Suar também garante pele mais limpa, uma vez que abre os poros da pele
  • Diminui o estresse - As endorfinas são hormônios produzidos em resposta a vários ou dor. A liberação de endorfinas ocorre quando há suor durante o exercício
  • Melhora a Saúde - O suor também pode eliminar o colesterol, o sal e o álcool a partir do corpo. Também melhora a saúde cardiovascular, pois exige mais trabalho do coração.

É claro que sim!

BENEFÍCIOS

  • Os exercícios de braço estão muito bem indicados, já que fortalecem a região dando boas condições à futura mamãe de carregar seu filho no colo.
  • Pernas também estão liberadas para serem trabalhadas, a fim de se evitar dores articulares que possam vir em função do sobrepeso, que acomete a mulher durante esse período.
  • Os exercícios de alongamentos devem ser priorizados, pois na gravidez, em função do aumento abdominal, o peso da mulher se desloca todo para a frente, alterando o seu centro de gravidade, aumentando a curvatura fisiológica da coluna, e causando dores.
  • O Pilates auxiliará a gestante no período pós-parto, facilitando o retorno mais rápido do abdômen, e diminuindo a flacidez.

CUIDADOS

Mas atenção:
É necessário que o ginecologista esteja de acordo com a prática do Pilates. O ideal é que ele mande uma liberação por escrito para que o instrutor saiba do andamento da gestação.

* Se a gestante nunca praticou nenhum tipo de exercício físico, é melhor não escolher essa técnica para iniciar. Espere o término da gestação, e aí sim procure um estúdio de Pilates para praticar.

Sempre é tempo de praticar alguma atividade física. O que não pode é ficar parado. Após os 60 anos, o Pilates é muito indicado e traz benefícios em pouco tempo.

Vejamos:
Ao Praticar Pilates a mente é estimulada pela variedade de exercícios onde trabalha-se a coordenação motora e a memória pelo principio da concentração.
Além disso, pode utilizar jogos e brincadeiras para exercitar seu cérebro. Fugir da rotina ajuda a desenvolver áreas do cérebro que são menos utilizadas.

Outros benefícios
  • Autonomia e bem-estar
  • Aumento da massa muscular e óssea
  • Redução de gordura
  • Estimulo ao metabolismo
  • Combate ao processo inflamatório
  • Melhora das capacidades funcionais
  • Bem-estar físico e psicológico
  • Estimula aspectos cognitivos (atenção, memória e percepção)
  • Redução de doenças

  • É a melhor maneira de obter uma barriga lisa, especialmente após a gravidez
  • O Pilates ajuda pessoas que têm dor nas costas. Além de poder ser um grande aliado dos Fisioterapeutas no tratamento das pessoas com lesões nas costas ou quaisquer condições graves, como hérnia de disco ou graves desvios posturais, o Pilates também pode contribuir muito para o alívio das dores nas costas devido a um estilo de vida sedentário, rigidez muscular e tônus muscular
  • O Pilates ajuda a perder peso. Somente o Pilates não ajuda na perda de peso em períodos curtos, mas combinado com exercícios aeróbicos e dieta adequada, os resultados são muito satisfatórios
  • O Pilates ajuda a lidar com o desconforto e as dores durante o ciclo menstrual. Pratique alguns dias antes do início do ciclo e até mesmo durante a menstruação e sinta a diferença
  • O Pilates melhora a estabilidade e equilíbrio em idosos. Este é um fato muito importante, pois pode melhorar significativamente a qualidade de vida das pessoas idosas
  • O Pilates tem se mostrado eficaz no alívio dos sintomas da fibromialgia, artrite e artrose, bem como na recuperação depois do câncer (particularmente o câncer de mama) e outros procedimentos cirúrgicos (principalmente joelho, quadril e cirurgias no pé)

  • Não cruze as pernas e deixando-as ligeiramente afastadas, com os pés bem apoiados no chão, mas é importante que a altura da cadeira seja a mesma distância entre seu joelho e ochão.
  • Sente sobre o ossinho do bumbum e volte o quadril levemente para frente
  • Mantenha as costas eretas, mantendo a curvatura normal da coluna. A lordose deve existir mesmo sentado e, ao ser observado lateralmente, a coluna deverá formar um suave S
  • Posicione os ombros levemente para trás
  • Os braços deverão estar pendidos ao longo do corpo ou os antebraços deverão estar apoiados na mesa de trabalho
  • Olhe para o horizonte e mantenha o queixo paralelo ao chão. Evite ao máximo ter que baixar a cabeça para ler ou escrever num computador, se for preciso suba a tela do computador.

  • O ideal é colocar somente o que se vai usar, livrando-se de pesos desnecessários. Por exemplo: retire o estojo e leve somente o lápis e a caneta
  • No caso dos acessórios para maquiagem, utilize antes de sair e só leve na bolsa o principal para retocar.
  • O peso máximo varia conforme os pesquisadores entre 7% e 20% do peso corporal, havendo um consenso maior para peso inferior a 10%.
  • Quando estiver usando pastas e bolsas grandes, coloque os itens mais pesados na parte mais baixa da bolsa e bem centrados, para evitar que um lado fique mais pesado que o outro.Isto também serve para mochilas
  • Evite carregar uma pasta ou mesmo sua bolsa por longos períodos de tempo. Mas, se você precisar fazer isso, o ideal é você usar uma mochila. Caso queira utilizar uma bolsa, ela deve ficar por cima dos ombros (e não na dobra do seu braço, pois isto pode levar ao estiramento dos músculos do cotovelo).
  • Com a bolsa, lembre-se de fazer um rodízio entre os ombros, mudando ela de lado muitas vezes. Se possível, carregue sua bolsa na diagonal, com a alça sobre o ombro oposto
  • Se estiver usando uma mochila, certifique-se de utilizar as duas alças de ombro, e que elas sejam, de preferência, acolchoadas e ajustáveis. A mochila deve ficar rente às costas, e não pendurada nos ombros e só encostando a base nas costas.

Desenvolvida por pesquisadores da Universidade de Harvard (EUA), a criolipólise usa baixas temperaturas para acabar com a gordura localizada. Um aparelho é colocado na superfície da pele, fazendo as células de gordura serem congeladas a temperaturas negativas para serem destruídas. A criolipólise é feita com a ajuda de um aparelho específico cujos aplicadores acoplam-se perfeitamente às diferentes áreas do corpo.

Indicações

A criolipólise não é um tratamento para sobrepeso ou obesidade. Ela é opção para pessoas que tenham gordura localizada em algumas regiões corporais, o famoso pneuzinho. De acordo com o fabricante, o procedimento elimina até mesmo aquela gordura incapaz de ser combatida com dieta e exercícios físicos.

Duração

O tempo de tratamento de uma área de 20 por 20 centímetros dura aproximadamente uma hora. A criolipólise pode ser feita em mais de uma região no mesmo dia sem riscos ao paciente.

Contraindicações

Nem todo mundo pode fazer a criolipólise: é preciso fazer uma avaliação antes. A criolipólise é contraindicada para pessoas com sensibilidade ao frio - como quem tem urticária, por exemplo -, com hérnias no local da aplicação, infecções na pele, para gestantes e para quem passou por cirurgia recentemente.

Resultados

Uma ou duas sessões já são suficientes para trazer resultados. Mas há casos em que são necessárias mais sessões. A partir do décimo dia a quebra de gordura já pode ser visível, mas o efeito máximo acontece de dois a três meses após a sessão.


Você que costuma comer biscoito recheado durante o lanche, ou até mesmo uma coxinha, esqueça! Nossa nutricionista Manuella Drumond listou 10 dicas de hábitos e alimentação saudáveis. Corra e comece agora!

  1. Consuma de 5 a 6 refeições por dia, reduzindo a quantidade de alimentos em cada uma delas. Não deixe de fazer as refeições principais café da manhã, almoço e jantar. Carregue sempre algum lanche para consumir entre as refeições principais, como barra de cereais, frutas, iogurtes e etc;
  2. Aumente o consumo de fibras e alimentos integrais. Como as fibras não são digeridas elas não acrescentam calorias à alimentação e aumentam a sensação de saciedade, além de auxiliar no melhor funcionamento do intestino. As frutas e os vegetais folhosos são excelentes fontes de fibras e são ricos em vitaminas, minerais e antioxidantes
  3. Diminua o consumo de açúcar e doces
  4. Use sal com moderação. Alimentos que contenham sal devem ser evitados: temperos prontos, shoyo e caldos de carnes. Dê preferência a ervas naturais como condimento
  5. Evite frituras. Utilize sempre óleos de origem vegetal na preparação dos alimentos: óleo de canola, milho, girassol e soja. O azeite de oliva é indicado para o tempero de saladas. Retire a pele do frango e a gordura aparente das carnes antes do preparo
  6. Evite o consumo de alimentos embutidos e enlatados: milho, ervilha, salsicha, presunto, salame, palmito, etc, pois são ricos em sal e conservantes
  7. Dê preferência aos alimentos assados, cozidos, grelhados em substituição as frituras;
  8. Aumente o consumo de peixes, por pelo menos 2 a 3 vezes por semana. Os peixes possuem um baixo teor de gordura quando comparado às outras carnes, sendo que essa gordura apresenta uma série de benefícios no combate e prevenção de várias doenças
  9. Beba no mínimo 2 litros de água por dia
  10. Pratique atividade física no mínimo 3 vezes por semana e evite o consumo de bebidas alcoólicas e cigarros

Esforce-se para respirar corretamente durante os exercício

Tente estar sempre com o corpo alinhado e organizado no início do movimento

Ensine seu corpo a controlar os movimentos

Saiba e sinta o objetivo dos exercícios , na dúvida, pergunte ao seu professor

Observe se seu equipamento está ajustado para você

Em pilates pensamos primeiro em precisão do movimento e depois em fluidez

Atente-se na contração do abdômen e posição da coluna neutra durante toda a aula, se ainda existe alguma dúvida sobre isto esclareça com seu professor (isto faz muita diferença )

Procure relaxar os músculos dos ombros e pescoço para evitar tensões desnecessárias

Comunique a seu professor qualquer dor ou desconforto

Suas articulações nunca devem doer durante ou após a aula


Uma pessoa seria capaz de suportar até 200 dias sem comer. Sem água, porém, a resistência é bem menor: após cerca de 36 horas o organismo começa a entrar em colapso. Água é essencial para a saúde e o bem-estar. Mas existem dúvidas em relação às propriedades desse líquido do qual o organismo não pode prescindir. Confira alguns mitos e verdades sobre a ingestão de água.

Tomar água gelada queima calorias 
VERDADE . A temperatura da água gelada é em torno de 4º C; a do corpo humano é cerca de 36º C. Então, quando você ingere o líquido gelado o corpo trabalha para aquecê-lo. “Esse processo, chamado termogênese, gera aumento de consumo de energia, ajudando assim a promover a queima calórica”, explica a nutricionista Natália Dourado, consultora da Santo Dom Massas sem Glúten, de São Paulo. Mas daí a imaginar que água gelada é a solução para a perda de peso é exagero. Até porque a queima calórica é pequena: meio litro de água gelada consome 17 calorias. “É pouco representativo em uma dieta de 1500 a 2000 calorias”, completa o endocrinologista e nutrólogo João César Castro Soares, da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp).

Tomar água em jejum emagrece   
MITO . “A hidratação em jejum é importante para restabelecer os níveis séricos do organismo e a eliminação de toxinas produzidas em resposta ao período sem alimentação”, diz a nutricionista Natália Dourado. Devido a isso e ao fato de que beber água provoca uma distensão gástrica, o que pode acontecer é a sensação de diminuição da fome. Com menos fome, menos comida seria ingerida. Neste caso colaboraria com a perda de peso.

Água com gás engorda igual refrigerante   
MITO . “Embora os dois líquidos contenham gás carbônico em sua composição, a diferença está no açúcar incluso nos refrigerantes”, explica Natália Dourado. O que engorda, portanto, não é o gás e sim as calorias do açúcar da bebida. O endocrinologista João César alerta ainda para o fato de o refrigerante conter grande quantidade de sal, o que também prejudica a saúde e a boa forma.

Beber água durante a refeição atrapalha digestão  
MITO . “Não existe embasamento científico para justificar essa afirmação”, diz o médico da Unifesp. Mas é claro que não se pode exagerar na ingestão. Um litro de água faria a pessoa se sentir mal e poderia prejudicar o processo digestivo.

Beber água faz bem para a pele   
VERDADE . A ingestão de água é importante para a eliminação das toxinas produzidas pelo organismo, que são expelidas pela urina ou suor. “Uma pele bem hidratada elimina estas toxinas com maior facilidade e fica com aparência mais saudável”, explica a nutricionista Natália.